Consultar um psicólogo? Não estou ficando louco!

“Consultei com um urologista ele disse que meu problema é psicogênico e me orientou a consultar um psicólogo. Eu não estou ficando louco para ir a um psicólogo, se o problema é emocional eu posso resolver sozinho, sou macho”

Infelizmente este diálogo acima é muito comum de se ouvir. Acredito que nós, psicólogos, temos grande parte de culpa por tanta gente pensar desta forma. Se divulgássemos melhor nossa trabalho este tipo de equívoco não aconteceria.

Hoje, meus amigos, pretendo desmistificar algumas coisas sobre saúde mental e o trabalho do psicólogo. Neste artigo você vai encontrar:

  • O que não faz um psicólogo;
  • O que é um psicólogo;
  • O que faz um psicólogo;
  • Mitos sobre o trabalho do psicólogo;
  • Quando consultar um psicólogo.

O que não faz um psicólogo

É comum a mídia montar um papel caricato para o psicólogo: alguém sério, meio estranho e desequilibrado, com um monte de problemas emocionais; ou alguém com super poderes que consegue ler sua mente e te manipular a fazer o que quiser, se ele trabalhar com hipnose então, aí ferrou, só falta fazer você acreditar que é uma galinha.

Isso não é ser psicólogo. Quem faz terapia comigo sabe que eu não sou nem um pouco aquele estereótipo de pessoa séria, inclusive, em algumas ocasiões, dou muita risada junto com meus clientes.

Não conseguimos adivinhar pensamentos nem ler a mente de ninguém, apesar de, em alguns casos, inferimos o que a pessoa está sentindo pela expressão não verbal.

Quanto aos problemas emocionais, todos estamos sujeitos a ter, independente da profissão que escolhermos. O que ocorre é que nós fazemos nosso processo de terapia para que eles não nos atrapalhem no nosso trabalho. Ou seja, psicólogo também faz terapia.

 

O que é um psicólogo

Então Luiz, o que é este ser chamado psicólogo?

O psicólogo é uma pessoa (não diga, sério?) que se especializou em uma coisa: estudar o comportamento humano. As profissões existem para atender a demandas sociais. O engenheiro civil atende a necessidade de alguém que saiba como construir um edifício sem que ele caia. O economista estuda como as relações comerciais afetam a população. Os profissionais do sexo atendem a demanda de quem quer dar uma. E o psicólogo supre a necessidade de entender o comportamento humano.

 

O que faz um psicólogo

Entendi, um psicólogo é alguém que estuda o comportamento humano. Mas por que ele faz isso?

Para responder a uma pergunta: o que leva as pessoas a fazerem o que fazem. Responder esta pergunta permite que o psicólogo possa atuar nos mais diversos setores levando as próprias pessoas ou as instituições a compreenderem e modificarem seu comportamento.

O psicólogo pode trabalhar em uma escola para melhorar o processo de aprendizagem dos alunos; pode atuar em uma empresa com o intuito de melhorar processos de trabalhos; pode auxiliar casais que estão com problemas no relacionamento a viverem melhor; pode treinar pessoas para desenvolverem determinadas habilidades; pode tratar pessoas com o intuito de superar problemas emocionais; pode orientar alguém para ter melhor saúde emocional. E por aí vai… como falei, tem um monte de coisas que podemos fazer

 Psicólogo é alguém que ajuda as pessoas?

Não!

Como não??? Luiz, você está complicando as coisas!

Eu digo que não já que “ajudar” parece que alguém é bonzinho e te prestou um auxílio sem nada em troca, e não é o caso. O psicólogo é um profissional que pode ser contratado para prestar determinado serviço como orientação, consultoria, apoio psicológico, psicoterapia, etc., ele vai ser remunerado pelo serviço prestado.

Muitas vezes o trabalho do psicólogo exige que crie um vínculo grande entre profissional e cliente, e por não necessariamente dizer ao paciente o que ele deve fazer, mas auxiliar na tomada de decisões, a palavra ajuda é designada para definir a ação do profissional, principalmente na área clínica.

Agora eu entendi Luiz. Só fiquei com uma dúvida, o psicólogo não vai dizer o que eu devo fazer?

Tipo assim (rs) se você me procurar por que está com problemas no relacionamento e quer se separar da sua mulher, eu não vou dizer “separa” nem “dá uma chance à ela”. eu vou te auxiliar a tomar a melhor decisão. Agora você me procurou para tratar sua ejaculação precoce, aí sim eu vou passar algumas orientações e tarefas que irão conduzir a superação do problema.

Entendeu a diferença? Se não ficou claro pode me escrever que eu explico melhor. Agora vamos falar sobre os mitos sobre os psicólogos.

 

Mitos sobre o psicólogo e a psicologia

Psicólogo é coisa de louco

É o mais comum, principalmente para os homens. Se homem não gosta de ir ao médico, psicólogo então, só falta fazer o sinal da cruz quando vê um.

Por tudo que falei aqui você já deve ter percebido que consultar um psicólogo não é coisa de louco. Um psicólogo, em determinados campos de trabalho, pode prestar atendimentos à pessoas com transtornos psiquiátricos sim, mas a prática não se resume a isso. Para vocês terem ideia do absurdo que é achar que psicólogo só atende louco vejamos a seguinte situação:

“Conversa de bar no final de expediente.

     –   então cara, eu cara, eu estou consultando com um psicólogo que…

     –   O queeeeeeeeeeeeeee?????????????? Você está ficando louco?

     –   …”

Agora vamos mudar um pouquinho a conversa:

“Conversa de bar no final de expediente.

     –   então velho, eu estou consultando com um coaching que..

     –   coaching? Que tesão piá, ta podendo”

O que a pessoa na segunda situação não sabe é que o coach é alguém que faz uso do conhecimento da psicologia no seu trabalho; pior, sem, muitas vezes, ser graduado em psicologia, apenas fez um cursinho de um final de semana com 20h.

 

Problemas emocionais são falta de força de vontade, eu posso superar sozinho.

Se você acredita que pode superar um problema emocional sozinho beleza, então não precisa procurar um psicólogo.

Só não caia na bobeira de ficar sofrendo por 5 anos, procurando a força de vontade que não acha nunca, e pensar que vai melhorar sozinho. Quando o problema começa a afetar sua vida afetiva, seu trabalho, ou sua saúde, talvez seja hora de você ser macho para admitir que precisa procurar um profissional.

 

Psicoterapia demora muito

Ta bom Luiz, eu admito que um psicólogo pode me ajudar. Mas eu não quero ficar anos e anos fazendo terapia.

E nem precisa!

Algumas escolas psicoterápicas trabalham com terapia breve ou com protocolos de atendimentos focados no problema. Por exemplo, você está com uma depressão leve, vamos fazer um protocolo para depressão, se você responder bem em 15 sessões é pra estar muito melhor. Ou vamos mudar o ambiente para que você não fique com medo de falhar na hora do sexo melhore da disfunção eréctil, em poucos meses é provável que você já tenha ereções que permitam uma relação sexual.

Agora, para problemas mais complexos, como abuso sexual, traumas infantis, transtornos psiquiátricos, o processo pode ser mais longo sim.

Eu preciso tomar um remédio, pelo amor de Deus

Mas eu posso tomar um antidepressivo e conseguir controlar melhor a minha ejaculação precoce, eu não preciso de terapia.

Claro que pode, o tratamento médico é uma das possibilidades neste caso. Contudo o antidepressivo pode fazer você ter diminuição na libido, aí você não tem ejaculação precoce e nem relações sexuais. Você volta no médico e ele receita cialis ou viagra 30 min antes da relação. Só tenha certeza de que a mulher não vai ter dor de cabeça antes de tomar o remédio, se não você vai ficar, literalmente, na mão.

Não, eu não sou contra o tratamento medicamentoso. Contudo medicar problemas psicológicos podem não ser a solução ou causar mais problemas ainda.

É mais fácil tomar um remedinho, eu sei. A questão é que o remédio nem sempre é a solução, pode ser apenas um paliativo. Por exemplo o gel anestésico para ejaculação precoce. beleza, você usa, diminui um pouco a intensidade do estímulo, e o orgasmo demora mais tempo. Só que você vai se tornar emocionalmente dependente da medicação. E se bem naquele dia que você vai sair com a mina que estava investindo há meses você esquecer ou não tiver na farmácia. Você vai ligar para a garota “- o gata, estou sem meu gel para ejaculação precoce, o farmacêutico falou que chega amanhã, será que da pra marcar aquele motel?” Então…

 

Psicólogo é alguém que dá conselhos

Como dizem, se conselho fosse bom não se dava, vendia. Quem dá conselho é o amigo de bar, o tio, o pastor da igreja. O psicólogo realiza orientações baseado em estudos científicos do comportamento. Sentiu a diferença? Sentiu? SENTIUUU??? Não preciso dizer mais nada né.

 

Quando procurar um psicólogo?

O psicólogo pode ser consultado quando que a pessoa estiver com dificuldade em lidar com alguma área dá vida dela. Por exemplo relacionamento, sexualidade, saúde, sentimentos, profissional. Sempre que a pessoa estiver insatisfeita com a forma que esteja conduzindo sua vida, mas não saiba ou não consiga mudar, o psicólogo pode auxiliar. E, é claro, nos transtornos sexuais (disfunção eréctil, ejaculação precoce, anorgasmia, dispareunia, etc) e psiquiátricos (depressão, transtornos de ansiedade, transtornos de personalidade, etc).

O profissional vai trabalhar para promover mudanças no comportamento do cliente para que ele possa se sentir melhor e alcançar seus objetivos. Mas, como falei em outro texto, se você tiver problemas na área sexual o melhor é procurar um psicólogo com especialização na área.

Para agendar sua consulta, clique aqui.

Salvar

Salvar

Salvar

NÃO QUEIME A LARGADA - Ebook Gratis

NÃO QUEIME A LARGADA - Ebook Gratis

TUDO o que você precisa saber sobre EJACULAÇÃO PRECOCE.

Neste ebook trago para você o que tem de mais recente e confiável no entendimento da EJACULAÇÃO PRECOCE.

O ebook será carregado em uma nova página em instantes!

%d blogueiros gostam disto: